Essências do Bem - óleos essencias DoTerra

Óleo essencial... o que é que isso te diz? São duas palavras que separadas, toda a gente conhece o seu significado mas juntas... as pessoas estranham. Porquê? Não sei mas penso que será porque acham que é um bicho de sete cabeças.

Mas afinal, o que são óleos essenciais?

Que benefícios terapêuticos e medicinais são esses?


Como é que eles atuam?

Ok. É uma coisa básica. Como usar então?
 10 curiosidades

Eu sei que tu sabes que eu recebi da Essências do Bem uns óleos essenciais (e outros produtos) da marca DoTerra. E sei que queres saber mais especificamente sobre eles. Por isso, como já te expliquei o básico sobre óleos, vou-me especificar mais nesses.

Dividi 6 subtópicos correspondentes a cada óleo essencial que recebi. Assim indicar-te-ei os benefícios e de seguida, a minha opinião e experiência com cada um deles.



  • Lavanda
Eu usei este óleo para acalmar a ansiedade e emoções, consequentemente dormir melhor. Como recebi apenas algumas gotas não consegui utilizar em todas as possíveis aplicações referidas na imagem.

Este é um óleo que o seu aroma é bastante conhecido. É claramente cheiro a lavanda/alfazema. Não é muito intenso, a meu ver. Eu coloquei uma gota na almofada antes de dormir e na noite a seguir, o cheiro já tinha desaparecido. Não foi sequer incomodativo, como eu pensava, por estar literalmente com o nariz numa gota de óleo.
Deste modo que utilizei, não notei a sua eficácia total na parte do dormir melhor. Senti-me calma, relaxada, preparada. No entanto, acordei algumas vezes durante a noite. Por isso, decidi experimentar de outra maneira: diluindo numa colher de chá 2 gotas de lavanda com 1 gota de camomila em óleo de amêndoas doces ou outro óleo vegetal e aplicar na planta dos pés, nuca e pulsos. Neste caso utilizei azeite.

Dessa maneira já consegui dormir melhor. Só a parte da massagem e de estar a cuidar de mim própria acaba por relaxar e facilita. A absorção cutânea acontece aqui e os óleos são passados para a corrente sanguínea logo têm de ser diferente do que apenas respirar.
  • Camomila Romana
A camomila funciona como analgésico, anti-inflamatório, para problemas estomacais, hepáticos e menstruais, peles sensíveis, dermatose, alivia a insónia, insatisfação, impaciência, enxaqueca, sinusite alérgica e é antiespasmódico.



Utilizei-a para dormir melhor sozinha. Senti que é mais intensa que a lavanda, em termos de cheiro. Uma gota tem mais duração. Senti que dormi profundamente até acordar a meio da noite. Por isso, fiz a diluição com lavanda que te referi anteriormente.
Adicionei uma gota ao meu champô.
  • Pepermint: Hortelã-pimenta

Este é um cheiro fresco e vivo a pastinha elástica! Utilizei para revigorar os pulmões, especialmente quando sentia alguma dificuldade em respirar, tal como o óleo de eucalipto. Acho que os dois juntos são uma ótima combinação porque a hortelã-pimenta dá aquela energia, aumenta a alegria e bem-estar mais ao nível psicológico enquanto que o eucalipto "desentope" os pulmões a nível físico. É uma ótima mistura para aqueles dias de inverno em que nos sentimos doentes e cansados, em baixo com pouco energia.

  • Eucalipto

Este cheiro também é conhecido, é familiar e é bom. Ótimo para o sistema respiratório. Adoro respirar diretamente do frasco, à noite, antes de ir para a cama, para "desentupir" os pulmões. Só por causa de respirar melhor, passo a noite melhor.
  • Laranja Selvagem


Para mim, este é o cheiro mais estranho de todos. Não sou fã.

Os benefícios são: revigorante, estimulante, diurético, digestivo, fadiga, apego, combate a melancolia, estados de depressão, tristeza, ansiedade e tensão nervosa.

Concordo que ele faz isso mesmo. Tem mesmo esse efeito em mim e eu até acho irritante porque não sou fã do cheiro mas tem esses benefícios incríveis todos.
  • Limão
O óleo mais interessante e diferente, entre estes que referi. Adoro a parte dos maus odores porque por vezes, sofro com isso. Ou cheira a queimado, ou a comida, ou aos odores que uma casa tem por estar fechada nos dias em que só chove. Eu sou muito olfativa. Consigo perceber pequenos cheiros e então os desagradáveis incomodam-me bastante. Este óleo veio ajudar-me com isso e tranquilizar-me. Além do bom-humor que me dá. 






Quero alertar que existem montes de óleos, cada um com os seus benefícios, alguns em comuns com outros. Que todos eles têm recomendações de onde e como usar mas que isto é um mundo em expansão e exploração. Podes inventar usar o óleo de certa maneira desde que te sintas bem, não precisas de seguir os padrões e indicações. Não são regras! 
Além das utilizações e aplicações que referi, estes óleos podem ser usados para ambientar a casa, as roupas, roupeiros, aspirador, podem ser usados na gestação, em bebés e mesmo em animais de estimação. Claro que nesses casos convém ver as recomendações da marca porque os cães, os bebés, e mesmo as gravidades têm alterações de olfato e percepcionam de maneira diferente.

Agora sobre os restantes produtos enviados, irei escrever também em tópicos.


  • Pasta dos dentes


A primeira coisa que notei foi logo que uma pequena gota basta, faz bastante espuma. O sabor não é muito diferente das pastas habituais, para meu espanto mas obviamente que os benefícios são melhores por ser algo natural.

  • Deep blue rub
Este é um creme feito com vários óleos que podes ler na embalagem, desde camomila a a hortelã-pimenta. 

Eu sofro de reumatismo por isso, este creme ajuda-me muito especialmente quando faço uma massagem a acompanhar. Por vezes, tenho necessidade de reaplicação a meio da noite.
  • Amostras de champô e amaciador

Não deu para perceber muito sobre estes produtos por serem amostras no entanto, posso dizer-te que supostamente protege a cor contra a oxidação provocada pelos raios UV, dá brilho, sela contra as agressões da água e recupera da danificação.

A DoTerra tem um programa de "revendedores", tipo as comuns marcas por catálogos. Mas é ligeiramente diferente porque além de comissão, podes ganhar produtos sem pagares mais por isso. Aconselho-te a falar com a Essências do Bem para qualquer informação extra e para aderires ao grupo Faz por ti e pelos teus.

Quero só salientar a importância de termos acesso a produtos naturais para tratarmos\ prevenirmos várias questões de saúde e bem estar de uma forma natural, sem produtos químicos. Ao contrário da medicação convencional e por serem elementos da natureza, tal como nós, o nosso organismo não rejeita e as suas moléculas são bem aceites pelas nossas! A maior parte da sua ação é muito selectiva, ou seja entram no nosso organismo e percebendo o que está mal vão reparar e o que estiver bem vão reforçar, o que não acontece por exemplo, com os antibióticos que para atuarem eliminam as bactérias mas ao mesmo tempo destroem as nossas defesas, não possuem acção seletiva, sendo que os óleos essenciais não são nada de novo, a sua utilização remonta ao tempo.

A utilização de óleos essenciais e o conhecimento das suas propriedades curativas remonta às civilizações chinesas e egípcias, sendo considerada uma das mais antigas formas de medicina e cosmética. A partir da extracção de óleos essenciais de plantas aromáticas, os egípcios faziam pomadas verdadeiramente milagrosas. Os óleos essenciais eram ainda utilizados para embalsamar os mortos, para propósitos espirituais, medicinais e cosméticos. A rainha Cleópatra celebrizou-se também pelo conhecimento dos poderes dos óleos essenciais.

Os Gregos também compreenderam os efeitos milagrosos das plantas aromáticas. O médico grego Hipócrates, conhecido como pai da medicina, recomendava muitas vezes massagens com óleos essenciais e, nos seus escritos, faz referência a um vasto número de plantas medicinais.

Os Romanos, e mais tarde os Árabes, aperfeiçoaram os conhecimentos adquiridos com as civilizações que os precederam.


Durante o século XIV, deflagrou um surto de peste negra por toda a Europa, pelo que nas ruas e igrejas eram queimadas ervas aromáticas para desinfectar o ar e disfarçar o terrível cheiro dos cadáveres que jaziam por toda a parte.

Geração após geração, as diferentes culturas utilizaram sempre as plantas para aliviar ou curar determinadas doenças. Frequentemente, o estudo destes conhecimentos antigos foi a base para muitos avanços da medicina. Actualmente, os cientistas encontram mais ingredientes vitais na natureza, confirmando as tradições terapêuticas praticadas há séculos. -
Essências do Bem
Imagens enviadas pela Essências do bem.

2 comentários:

  1. Eu quero imenso aventurar-me nos óleos essenciais, mas ainda não experimentei! Oiço falar maravilhas desta marca!

    THE PINK ELEPHANT SHOE

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se ainda não te atreveste aconselho-te a falar com a Essenciais do bem. Assim podem esclarecer-te todas as tuas dúvidas e até selecionarem os óloes que mais precisas em conjunto ;)

      Eliminar

Obrigada pela tua dúvida, sugestão ou opinião.
Respondo sempre por baixo do teu comentário.