1=1x30 Champô concentrado Yves Rocher

A Yves Rocher é uma marca que, cada vez mais, se está a preocupar com o ambiente embora ainda venda na China onde os testes em animais são obrigatórios por lei. No entanto, tem várias campanhas onde planta árvores na compra de X produto (por acaso, atualmente por cada champô concentrado vendido, uma árvore é plantada) entre outras.

Em 2008, lançou o seu primeiro produto eco. Em 2017, lançou o 1º Gel de duche concentrado "com uma promessa de 40 duches numa embalagem de apenas 100ml, o que representa uma redução de 50% de plástico e de gases (...)". Agora, um ano depois, nasce o 1º champô concentrado "que respeita o planeta, embelezando simultaneamente o cabelo das mulheres".


Como podes ver pela foto, recebi um gel de duche concentrado (que já usei antes e por isso, já se encontra publicada a sua resenha) e este novo champô concentrado.



Clica em cima da imagem para a aumentar
Folheto enviado pela YR

Clica em cima da imagem para a aumentar
Folheto enviado pela YR
O conceito é o mesmo. Desta vez, a YR conseguiu concentrar 30 utilizações de champô numa embalagem de 100ml!

A marca refere que uma pressão é igual a uma dosagem e a uma utilização. No entanto, no meu cabelo, acho que uma pressão é insuficiente e utilizo duas até porque tenho o cabelo comprido. 

Eu já conhecia os champôs da Yves Rocher e sempre achei que, em termos de limpeza, são dos melhores do mercado. Este champô não é excepção! Ele de facto limpa muito bem o cabelo mas considero que o seca um pouco. Por isso, peço à YR que lance a versão amaciador concentrado para usarmos em paralelo. 
Clica em cima da imagem para a aumentar

Clica em cima da imagem para a aumentar
Só usar este champô, sem amaciador ou máscara não resulta bem!
Notei mais queda de cabelo e mais dificuldade em pentear porque lá está, não utilizei com outro produto. Mas atenção, a função de um champô é lavar e não é desembaraçar!

Gostei muito da limpeza dele e do cheirinho leve a limão. Fique fã mas preciso mesmo do amaciador concentrado! Vamos lá trabalhar nele, sim, Yves Rocher?

E excelente mesmo era deixarem de vender na China...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pela tua dúvida, sugestão ou opinião.
Respondo sempre por baixo do teu comentário.