A sua casa - Dia da Numerologia por Sandra Santos

A nossa casa é, após o trabalho, a nossa segunda casa, digamos assim, pois é nela que passamos a maior parte do nosso tempo, é o nosso ninho, onde nele, queremos desfrutar do máximo de tempo em qualidade.

Por esse motivo, a energia da nossa casa emite sobre nós uma sub-energia, digamos assim, que nos pode influenciar no nosso dia-a-dia.


Como? Simples. Na verdade, todas as casas têm um número de porta, ou número de andar, ou até ambos, e são esses mesmos números que têm especial impacto em nós, quando entramos na energia daquela casa, a partir do momento e que passamos a habitar nela.

Não há casas boas, nem casas más… há apenas casas onde a energia vai mais de acordo com a nossa própria energia e outras que entra mais em desacordo, tornando-nos até, em muitos casos, em pessoas diferentes. Mas, nenhuma é má!

Quando um cliente meu, chega a uma consulta noto que algo nele não está de acordo com a energia que os números dele me dizem, uma das minhas primeiras abordagens é perceber qual é ao certo o seu número de porta de sua casa! Dado que essa energia da casa pode estar a afetar de certa forma aquela pessoa.

Imaginemos uma pessoa que tem muita energia 5 (energia de movimento) no seu mapa, e habita numa casa de energia 7 (energia mais calma). Esta pessoa certamente não se mostrará tão agitada quanto o seu mapa o dita, pois habita numa casa que promove a calma, a introspeção…

E por aí em diante!
O que a energia de sua casa traz para si?

Se morar num andar em que tenha, por exemplo, número de andar e porta de prédio, sugiro que some tudo junto e que só depois leia a interpretação. Apesar de poder, claro está, ler a interpretação individual de cada um!

Deixo abaixo a tabela Pitagórica, para que consigam fazer a correspondência de letras para números.


Indo a um exemplo: um número de porta 31 D que habita no andar 5ªA

O número da porta vamos somar 3+1+4 (equivalente à letra D) – isto resulta num 8

O número de andar soma-se 5+1 (equivalente à letra A) - isto resulta num 6

·         A partir daqui pode ler as interpretações separadamente da porta (8) e do andar (6)

·         Mas se somarmos ambas as energias, teremos um resultado de 14 (1+4=5)

·         Todos os resultados devem ser reduzidos a um único dígito

Faça a soma com os seus números e saiba o que a energia da sua casa está a emitir.

Casa de energia 1

É uma casa onde existe espírito de iniciativa e onde os seus habitantes tendem a viver de forma mais independente, sendo até mais decididos na hora de tomar decisões. É muito provável que sob esta energia surjam ideias de certa forma criativas que aos olhos dos outros podem ser um tanto arrojadas.
Esta energia é rápida e uma vez que pensa em fazer tende logo a colocar na prática.
Num panorama de desequilíbrio sob esta energia as pessoas poderão tornar-se egoístas, pensando só em si e fazendo as coisas só para si, por vezes sendo até um pouco autoritárias, onde a necessidade de se afirmar impondo-se impera.
Como não é muito paciente, acaba por fazer tudo para ontem, o que os pode obrigar a ter que reiniciar tudo.

Casa de energia 2

Os habitantes desta casa podem gostar de cooperar e de trabalhar em equipa, sem que necessariamente gostem de brilhar, ou seja, preferem ter o trabalho de bastidores.
Tendem a desenvolver o tato diplomático pois também preferem estar em paz, evitando assim conflitos, até porque esta energia transmite acima de tudo calma, e promove relações em harmonia.
Num panorama de desequilíbrio sob esta energia as pessoas podem tornar-se demasiado sensíveis levando muito a peito qualquer coisa que lhes seja dirigida, mesmo que a intenção da outra pessoa seja boa, o que pode levar sem dúvida ao isolamento e a se tornarem mais fechadas.

Casa de energia 3

É uma casa onde a alegria é uma constante, e os momentos de diversão são garantidos, pelo que as pessoas tendem a adotar uma postura mais otimista sobre a vida e gostam igualmente de estar com amigos e de conversar. Sob esta energia as pessoas tendem também a estar muito ligadas à beleza e aos detalhes, assim como tendem a ser mais emocionais, nomeadamente no que toca ao romantismo.
Num panorama de desequilíbrio esta casa traz sem dúvida inexpressão, as pessoas ou não são comunicativas por timidez, ou comunicam-se sem que sejam sequer entendidas, pois tornam-se dispersas, por vezes, podem chegar ao extremo de explodir o que leva sem dúvida a conflitos provocados pelas palavras. Não é raro também que em desequilíbrio as pessoas percam autoconfiança.

Casa de energia 4

É uma asa que traz acima de tudo estabilidade e segurança, seja em que ramo for, não é raro que uma pessoa na casa 4 se torne mais segura de si, assim como se torna igualmente mais organizada, por vezes de tal forma que tudo tem de estar milimetricamente arrumado, e, os seus membros tendem a não gostar que mexam os seus pertences. É acima de tudo uma casa onde os seus habitantes se voltam mais para a vertente fazer, pois tendem a ser mais determinados e persistentes.
Num panorama de desequilíbrio, os seus habitantes podem ser mais desordenados e instáveis, o que faz com que não consigam cumprir nada a horas e a normal ordem transforma-se num caos. Muitas das vezes existe rigidez ou inflexibilidade sob esta energia, o que leva a que as pessoas criem muros á sua volta não aceitando coisas novas, o que por vezes pode causar problemas, pelo que devem aprender a ser flexíveis.

Casa de energia 5

Esta casa é sem dúvida muito alegre e quem lá habita detesta rotina, pelo que não é estranho que alguma coisa ande sempre a mudar, até porque esta energia é igualmente aventureira e curiosa, pelo que os seus habitantes também o serão, sendo até capazes de se adaptar às situações de mudanças que forem aparecendo, e tendo especial gosto pela novidade.
Tendem a desenvolver a polivalência, sendo capazes de ser multitasking, o que na verdade traz-lhes não só variedade de experiencias, como expansão e capacidade de transformar.
Num panorama de desequilíbrio, a casa 5 pode trazer impulsividade, o que pode levar a muitas coisas, nomeadamente a tomar de cisões por impulso que mais tarde se podem arrepender, assim como traz falta de paciência, fazendo com que se impaciente facilmente quando está, por exemplo, num determinado sítio por muito tempo.
Cumprir horários não é o forte do 5, pois é igualmente despassarado.

Casa de energia 6

Sob esta energia quem habita numa casa 6, tende a preferir passar mais tempo junto da família e no seu lar do que for a de casa, pois esta energia transmite paz, amor, harmonia e cuidar. É, portanto, a energia da família. quem habita num 6 tende a gostar de proteger, por vezes até demais aqueles a quem ama, sendo que a lealdade é nesta energia algo de muito importante.
Tendem a ser responsáveis, assumindo assim as suas de forma exemplar.
Num panorama de desequilibro, sob esta energia os seus habitantes podem tonar-se confusos, principalmente mentalmente, tendo sempre muitas dúvidas na hora de fazer algo, e muitas das vezes acabando por adiar o mais que possam aquilo que preferem evitar, acabando por vezes por se fazerem de vítimas das circunstâncias. A ingenuidade é outro ponto que pode tocar s habitantes de uma casa 6, pelo que não é raro que por vezes os tentem enganar.

Casa de energia 7

Esta casa é mais calma e leva a que os seus habitantes sejam mais calmos e por vezes até introspetivos, muitas vezes sendo tidos como frios ou distantes. Quem lá habita pode passar a gostar de ler mais ou de fazer pesquisas sobre vários assuntos, e acima de tudo gosta de passar tempo a sós, longe de agitações e confusões. Todos os membros tendem a gostar de ter o seu espaço.
A verdade é algo de muito importante para um 7, logo, quem habita num, pode inclinar-se bastante a ser verdadeiro.
Num panorama de desequilíbrio, estas pessoas podem tornar-se seres solitários, devido ao isolamento em excesso, gostando muito pouco de conviver, podendo mesmo criar muita distância entre eles e as pessoas.
Tendem a criar paranoias, pois o tempo em excesso quando se isolam pode ser usado para pensar em tudo e mais alguma coisa, o que só ajuda a fazer filmes nada reais.

Casa de energia 8

A casa de energia 8 traz aos seus habitantes realização pessoal o que por si só significa muita coisa, pois cada um sente-se realizado à sua maneira. Traz também determinação e ambição positiva em realizar-se pessoalmente, mas, traz também força interior para conseguir gerir as adversidades. A casa 8 traz poder material pois é por si só uma força realizadora, pelo que o sucesso nesta casa pode conhecer dias felizes. As pessoas desta casa tendem a ser determinadas e ambiciosas.
Num panorama de desequilíbrio a casa 8 pode levar francamente ao insucesso, onde as pessoas se sintam não só incapazes como frustradas por não estarem a conseguir a sua realização, o que pode deixar marcas.
Aqui existe tendência a ser-se igualmente ambicioso em excesso e materialista, olhando só à imagem e ao estatuto que se pode conquistar, o que pode trazer problemas, pois quando esta energia abunda a queda pode ser abrupta.

Casa de energia 9

A casa de energia 9 traz a quem nela habita generosidade e tolerância, pelo que são pessoas que facilmente tendem a ajudar outras, despindo as suas camisolas em prol do outro. São por norma otimistas e tendem a ter ideias um tanto alternativas, normalmente com o objetivo de ajudar a comunidade.
Tende também a desenvolver um sentido de justiça, pelo que não gostam de ser alvo de injustiças e nem gosta de presenciar nenhuma.

Num panorama de desequilíbrio podem desenvolver pessimismo derivado do seu espírito de ajuda, pois nem todos a quem ajudam lhes são gratos o que os faz sentir-se mal. Por outro lado, podem igualmente desenvolver falta de consideração pelos outros uma vez que já foram, antes, desconsiderados, assim como podem tornar-se vingativos. 

1 comentário:

Obrigada pela tua dúvida, sugestão ou opinião.
Respondo sempre por baixo do teu comentário.