O que comer para acabar com a prisão de ventre

Queres ver-te livre da prisão de ventre e já não sabes como? O segredo é uma alimentação adequada e hábitos de vida saudáveis.

Em primeiro lugar, se pretendes realmente solucionar o teu problema intestinal começa por saber o que comer para resolver a prisão de ventre.

Fonte


Simplificando: elimina da tua alimentação lacticínios, açúcar e glúten.
Os lacticínios contêm uma proteína, a caseína, que causa cancro. Evita o açúcar presente em doces, cereais, refrigerantes ou bolachas. O glúten torna as fezes duras e dificulta a evacuação.

Em segundo lugar, memoriza estas 5 palavras-chave: gordura vegetal, vitamina C, magnésio, fibra e água. Estes são os teus melhores aliados no combate à obstipação.

A gordura vegetal, ao contrário da gordura animal, não faz engordar, não provoca doenças e é um excelente lubrificante natural que facilita a digestão, promovendo o transito das fezes nos intestinos. Come coco e óleo de coco, azeitonas e azeite, abacate, nozes e sementes e manteiga de amendoim ou de amêndoa.

Vitamina C sem medos! Não te limites apenas a frutas como kiwis, laranjas, morangos ou papaia. Legumes como espinafres, agrião, brócolos ou couves são também ótimos alimentos com este poder antioxidante.

Fibra não pode faltar. Consume 25 a 35g de fibra por dia e verás o teu intestino regulado e mais saudável, além de prevenir o cancro colorretal. Podes obter fibra nos produtos integrais, nozes e sementes, frutos, feijões e vegetais. Caso a fibra que consomes não seja suficiente, procura suplementos como sementes de linhaça ou cascas de psilio orgânicas.

Consume verduras, feijões ou nozes ricos em magnésio, mineral vital para os nossos órgãos. Se tens obstipação crónica, toma suplementos.
Fonte

Água é vital, todos sabemos. Mas provavelmente não sabias que ao beber água não só hidratas os teus intestinos, regulando-os, como aumentas o volume das fezes, facilitando a sua eliminação. Se tens prisão de ventre o ideal é consumires água com pH alcalino ou optares por um chá para prisão de ventre.

Para além de uma alimentação equilibrada, são fundamentais hábitos de vida saudáveis.
Exercício: A atividade física irá reduzir o tempo necessário para a digestão e a simular os movimentos peristálticos dos músculos intestinais, ou seja, a regular a evacuação intestinal e prevenir a prisão de ventre. Sai de casa e faz uma caminhada, vai correr com a tua cara-metade, com um amigo de duas ou quatro patas, nada ou inscreve-te em aulas de dança. Mexe-te!

Por último, mas não menos importante, pensa na postura que adotas no momento da evacuação. Está provado por estudos médicos que é muito importante para conseguir eliminar as fezes totalmente e sem esforço. Ao estar sentado na sanita o teu corpo vai contrariar naturalmente esta ação, pois o músculo puborretal (responsável pela continência humana) estrangula parcialmente o canal intestinal dificultando a passagem das fezes. Mas experimenta colocar um banquinho debaixo dos pés quando estiveres sentado na sanita, vais ver que a elevação das pernas fará com que este músculo relaxe totalmente simulando a posição de cócoras e permitindo  assim que consigas defecar rápido e sem esforço. Assim poderás tratar naturalmente hemorroidas e a prisão de ventre. Não só tratar como prevenir.



Segue estas dicas e vê-te livre da prisão de ventre. Pensa de forma natural e vê que todas estas as mudanças tornar-se-ão em hábitos de vida.

Fica atento, em breve, irei contar-te a minha experiência na melhoria da prisão de ventre com estes novos hábitos.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pela tua dúvida, sugestão ou opinião. Agradeço que não faças publicidade do teu blog. Se eu tiver interessada visito.