Série Beauty and The Beast - A Bela e o Monstro

Olá!
Convidei a Rita do blog Rita Rodrigues para te vir falar sobre uma das séries que vejo "Beauty and The Beast" (BATB) ou em português "A Bela e o Monstro" ou ainda, "A Bela e a Fera".





"Beauty and the Beast é uma das series “mais recentes” da CW. Esta é uma espécie de remake da série com o mesmo nome lançada em 1987 (na CBS)
.
É uma série americana envolta no romantismo da “bela e do monstro” que conta com uma enorme dose de suspense. Estreou em 2012 e passa-se em Nova York.

Na série da CW podemos seguir a história da detetive Catherine Chandler e da sua mãe que foi assassinada por que programa de super soldades que foram geneticamente modificados. Um desses soldados é o Dr. Vicent Keller (o monstro da nossa história). A nossa “bela” promete guardar o segredo do nosso “monstro” e juntos investigam o assassinato da mãe de Catherine.
Como já é de esperar, e sem estar a querer ser SPOILER, eles acabam por se apaixonar e de lutar pelos obstáculos que vão aparecendo pelo caminho.
É uma série que conta com 4 temporadas e que foi descrita como sendo “uma história romântica moderna com um pequeno twist”.

Esta série teve fim em setembro de 2016, e apesar de todo mistério, suspense e do mundo sobrenatural que a mesma envolve, é uma série bastante viciante fazendo com que queiramos ver todos os episódios de uma só vez.

Devo admitir que quando se fala de séries que me despertam a atenção eu só quero é ver os episódios de uma vez chegando mesmo a estar horas e horas sem me desligar da série, que foi o que aconteceu com esta."

Esta é a opinião dela sobre a série mas não posso concordar e adorar mais. Quero só acrescentar que te vais apaixonar pelas personagens, vais viver uma história de amor, amizade e claro perigo.



Óleo de salmão para cães (e gatos)

Não sei se sabes mas para além de existirem suplementos alimentares para nós, humanos, também existem para os nossos melhores amigos, patudos.

O óleo de salmão é rico em ácidos gordos essenciais, fortalece o metabolismo ajudando na reprodução e preservação das células. Ajuda a regenerar a pele seca evitando que o animal tenha comichão. Promove a saúde do sistema cardiovascular.

Eu comprei na QA este óleo da Orni-Ex/Trixie por 7,75€ mas ele é vendido em várias lojas animais. Ele cheira mesmo a peixe e por isso, só o dou aos meus cães de manhã, misturado com a ração seca para não ter de suportar o mau hálito à noite. Sim, eles ficam a cheirar a peixe, como se tivessem andado a remexer no lixo. É o maior defeito!
Só aguento o cheiro porque reconheço as vantagens e benefícios!
Ele deixa o pêlo dos meus animais mais bonito, eles perdem menos pêlo, não se coçam tanto e assim consigo que fiquem mais saudáveis quer a nível de pêlo e pele, como já disse, como também a nível cardiovascular (regula o colesterol). Certas fontes dizem que melhora as articulações e um dos meus cães, infelizmente, está a ficar velhinho e de vez em quando, sem motivo, coxeia. Noto que desde que lhe dou o óleo de salmão, quase todos os dias, que a saúde articular está melhor. Raramente coxeia e melhor que isso, não têm desconforto ou dores.

Eu estava céptica em usar mas reconheço que lhes faz bem. Ser melhor amigo dos meus cães é isso mesmo, tratar, reconhecer, cuidar.

P.S.: falei do uso deste óleo em cães porque é como tenho experiência de dar aos meus mas pode ser dado a gatos sem problema nenhum e com as mesmas vantagens.

Resenha: manta Zoofari

Hoje as patinhas cá de casa vêm contar a sua experiência com umas mantas que eu comprei há algum tempo no Lidl. As mantas são da marca Zoofari e sei que na altura achei que foram baratas e trouxe todos os modelos que havia em diferentes cores. No total 3: a das fotografias, uma com o padrão xadrez vermelho; e uma bege com patinhas.



Aqui as patinhas gostam de se deitar em qualquer uma. Normalmente, está uma na cama, uma no sofá e outra no chão em diferentes divisões.

Em cima da cama, às vezes lá saem e vão-se encostar ao humano mais próximo mas quando o humano está na secretária a trabalhar, as patinhas caninas deitam-se na mantinha no chão até porque está perto da janela, apanha-se sol e dá para cuscar... Tantas vantagens!
Mas vamos lá saber o que a humana acha. Pois bem, eu acho que todos os produtos que são para animais não deviam agarrar os pêlos. Sim, estas mantas agarram imenso e é o maior defeito que têm! Por outro lado, dão para lavar na máquina, são resistentes e por baixo têm uma camada de plástico (será mesmo plástico ou há outro nome para isto?) que impede, por exemplo, que o xixi passe todo para baixo. Como meninos bem comportados, xixi não se faz nas mantinhas mas...nunca se sabe. Às vezes calha vomitar lá em cima...por isso, essa tal camada é útil.
As costuras são bem feitas, não há fios nem pontas que se possam pegar para desfiar. Não há maneira de os dentinhos quererem estragar!

Por outro lado, quando o cãozinho doidinho aparece (aqueles momentos cheios de energia em que se corre desalmadamente pela casa toda a uma velocidade bem superior à normal e até se fazem derrapagens de perigo) a mantinha voa...e porquê? Devido à velocidade lá esta e devido ao facto de não ter antiderrapantes. Nós podemos resolver isso facilmente colocando cola-quente por baixo mas como é "plástico" ainda não quisemos arriscar com medo de destruir.
O que nos deixa mais tristes com esta experiência é de facto, as mantinhas agarrarem os pêlos todos mas as patinhas gostam delas por serem fofinhas e confortáveis. Tenho a certeza que eles não ligam para os pêlos (que por acaso notam-se menos na bege mas isso não quer dizer que não estejam lá). Devem ligar mais para o facto de não estarem no chão frio durante o inverno...

Ser consumidora sem crueldade animal #1

Olá a todos.
Já escrevi por aí que estou a tentar mudar os meus hábitos de consumo no que toca a produtos cosméticos. A partir de agora estou a tentar trocar o máximo (ou mesmo todos) os produtos de cosmética testados em animais para produtos não testados,  os cruelty free - CF. 

Por isso,  quero que acompanhem este processo que deveria ser mais fácil ou não deveria existir de todo porque na lei, na Europa,  os testes já são proibidos.  No entanto,  há leis na China que obrigam a testes.  Então as marcas não fazem os testes elas próprias mas pagam à China ou a outras entidades para fazer.  O que vai dar ao mesmo, não é?  Podes saber mais sobre como é que as marcas enganam os consumidores neste blog fiável entre outros conteúdos de interesse assim como neste grupo de Facebook só sobre o assunto.

Agora que estou a começar, estou a substituir aos poucos os produtos. Dou preferência aos que não fazem testes e aos que não vendem na China (só online são CF; em Hong Kong física e online também são CF) em segundo lugar. 

Vou apresentar-te uma pequena lista em tabela dos produtos que já consegui mudar.  Alguns deles irão ter resenha no blog posteriormente e outros já a têm. 

Tipo de produto
Marca que testa em animais
ALTERNATIVA que NÃO testa em animais
Escova de dentes
MyLabel, Colgate, Aquafresh
Babu
Produtos capilares (champô, creme de pentear etc)
Le Petit Marsellais, Tresemmé
Embelleze/Novex, O Boticário, Intea, Tangle tezzer (escova), Invisiboble (elásticos)
Hidratantes corporais
Nivea, Garnier
O Boticário, The Body Shop
Desodorizante
Sanex
Yves Rocher*, Oriflame*
Stick deodorant Foz
Higiene íntima
Evax, Ausónia, Tampax, O.B.
Meluna (copo menstrual), pensos laváveis
Lactacyd (limpeza)
 Gel de banho
 Palmolive, Sanex
 O Boticário, MyLabel, 
 After Sun
 Avon
 Cabana Sun
 Hidratantes labiais
 Labello
 Carmex, Yves Rocher*
 Creme de mãos

 O Boticário, Oriflame
*marcas que não testam mas vendem na China

Uso também esfoliantes da marca O Boticário. Estou a evitar de todo os hidratantes da Yves Rocher. O desodorizante da Foz ao inicio não estava a funcionar comigo mas agora gosto.
Gosto também das escovas de dentes Babu e já descobri que há uma marca na Well's que é a Humble Brush.

Tenho usado champô seco Batiste mas agora dizem que começou a vender na China :(
O after sun que uso agora é da Cabana Sun e gosto muito (também há protetores solares mas ainda não experimentei). Costuma-se vender nas lojas ao pé de praia.

Cremes de mãos tenho usado quase tudo d'O Boticário, nem me lembro de outra marca
Produtos de cabelo tem sido tudo Embelleze e Intea.
Lactacyd é o meu gel íntimo de eleição desde sempre e ainda bem que não vou ter de trocar.

Como viste, algumas marcas vendem na China e por isso, não são totalmente cruellty free mas estou a tentar. Esta é a lista de marcas que já consegui mudar.

Quanto às marcas brancas como a MyLabel, asseguram-nos que não testam mas não asseguram que o fornecedor não teste. No entanto, penso que a MyLabel é exclusiva a Portugal e que não se vende na China. Por enquanto, vou continuar a usar até descobrir um bom susbtituto.

A Meluna não testa e só vende online na china.  Há ainda quem diga que o silicone ou materiais médicos usados nestas coisas são testados mas apenas 1x e não constantemente.  Sabe mais sobre isso aqui.


De momento ainda não encontrei alternativa para alguns produtos e os que tenho mais urgência são pasta dos dentes branqueadora, elixir branqueador. Atualmente uso Colgate Max White One e gosto bastante.  Procuro um substituto. Irei continuar a contar-te esta experiência de mudança e conto contigo para mudares comigo ou ajudares-me em alternativas

Estou também a acabar os produtos que tenho não CF para depois comprar e dar preferência aos CF. Por isso, ainda vais ver resenhas e opiniões nos "Terminados".

Atacadores sem nós e sem laços? Sim, Stop Tie

Já te mostrei os meus atacadores super coloridos e giros que demoraram imenso tempo a chegar cá a casa mas que finalmente chegaram para ser adorados!


   
Estes atacadores são umas "fitas" elásticas que se prendem nos orifícios dos atacadores normais a substituir os mesmos. A minha dificuldade foi de facto colocá-los. O silicone é espesso para o diâmetro dos orifícios de algumas sapatilhas. Estas sapatilhas da foto têm um aro metálico e por isso, foi mais fácil, mas experimentei noutras e foi mesmo muitoooo difícil
Como usar
Guia visual
O objetivo destes atacadores de silicone é não precisares de os atar nem fazer laço. Como são elásticos fazem força e não te caem dos pés, não precisas de atar/fazer laço, é mais rápido de calçar e mais prático.
Para não te enganares, eles são numerados para que saibas qual colocar primeiro e a ordem deles por tamanho.
Há casos em que dão muito jeito aos adultos, como nas corridas e caminhadas. Certas crianças não tem capacidade ou não conseguem e esta é uma alternativa. No entanto, faço o alerta aos pais para não substituírem os atacadores normais por estes só para não terem trabalho ou porque é mais fácil para a criança. Ao atar os atacadores, as crianças desenvolvem uma data de capacidades que são precisas no seu desenvolvimento e na vida adulta.

Nas sapatilhas de desporto das crianças, já aconselho! É mais seguro para elas. E qual é o pai que não se preocupam com a segurança dos cachopos?

"É possível ter cores misturadas em um único sapato, para ter uma rápida mudança de estilo para combinar com seus sapatos ou roupas; você pode ter diferentes estilos de laçadas, ideal para aqueles que odeiam a amarrar e desamarrar sapatos ou para as crianças que ainda não são capazes de fazê-lo. Stoptie pode ser puxado e esticado, e nunca ficar sujo e são totalmente laváveis."


Estes novos atacadores são da marca Stop tie que tem ainda disponíveis acessórios (para a língua) e atacadores com padrões (zig zag, quadrados, corações) para além das cores (rosa, verde, preto, branco, amarelo, azul claro, azul escuro, vermelho, e ainda castanhos para sapatos de homem adulto clássicos) e combinações (à Benfica - vermelho e branco; multicolor ) normais.


Compra online através do site